Encontro de pontos de cultura da região oeste discute agenda comum, propostas para fortalecer o setor e ações em rede

PV_1

Ao longo deste domingo (7/7) ocorreu o “Encontro Regional Pontos de Cultura”, da região oeste da Grande São Paulo. Realizado na sede da Secretaria Municipal de Cultura de Osasco, o evento contou com a presença de militantes, produtores e coletivos culturais de dança, teatro, música, literatura, bem como do secretário da Cultura local, Éder Alberto Ramos (Éder B2).

pv_4

O coletivo Casaviva – cultural e ambiental, credenciado como ponto de cultura, esteve representado pela Banda Muirakitã, com música autoral e roda de ciranda, e pela poeta e performer Rosi Cheque, que interpretou “Carbono Azul”, poema de sua autoria que trata da questão dos manguezais e sua relevância na despoluição do ar e no combate às mudanças climáticas.

pv_6

Em pauta temas como edital de premiação Pontos de Cultura, comunicação entre os coletivos e pontos de cultura da região, formação de conselho popular de cultura, editais para o setor, Plano de Cultura (municipal, estadual e federal) e o fortalecimento dos diálogos e demandas com os gestores culturais.

pv_5

Em sua fala, Carlos Marx, da coordenação do Ponto de Cultura Casaviva, ressaltou a importância da comunicação e do uso das redes sociais para divulgar as atividades e agendas. Falou das ações realizadas na cidade e dos próximos eventos programados. “Precisamos fortalecer os laços e os compromissos de trabalhos em conjunto com estabelecimento de metas”, pontuou.

Éder B2, secretário da Cultura de Osasco, falou da relevância do encontro no sentido do fortalecimento regional e planejamento participativo.

pv_2

O evento contou com representantes de Pontos de Cultura das cidades de Embu das Artes; Carapicuíba; Santana de Parnaíba, Pirapora de Bom Jesus, além de Osasco.

Este primeiro encontro foi organizado pelos pontos de cultura Cia de Teatro Clareou (Osasco), Samba do Pé Vermeio (Santana de Parnaíba), coletivo Nós de OZ e Movimento de Dramaturgia Rural, com apoio da Secretaria de Cultura de Osasco.

SAIBA MAIS
Casaviva – cultural e ambiental
(11) 99652-8199
casavivaosascosp@gmail.com
www.facebook.com/casavivaosasco

 

Verdes participam de greve geral em Osasco

IMG-20190614-WA0029

Dezenas de pessoas se concentraram na manhã de sexta-feira (14/6),  em frente à estação da CPTM, com cartazes e faixas em adesão a greve geral  e manifestando repúdio à reforma da Previdência do governo Bolsonaro (PSL), bem como pela Educação e pelo Meio Ambiente. Participaram trabalhadores, estudantes, ativistas dos movimentos Sem Teto, Sem Terra, Cultura Popular. Houve, ainda, caminhada pelo calcadão Antonio Agu.

Segundo Carlos Marx, ambientalista e dirigente do PV Osasco, a greve é relevante porque é contra a reforma da Previdência Social, mas também é uma luta pela defesa da educação pública e contra o desmanche do Ministério do Meio Ambiente.

IMG-20190614-WA0024

Na luta contra cortes na Educação desde maio, estudantes, professores e funcionários de universidades e institutos federais também aderiram à Greve Geral.

Defensores do meio ambiente também participam da greve. Reportagem da BBC mostra estudo realizado por universidades estrangeiras, liderados pela ONG Conservação Internacional, que comprova que o Brasil, ao lado dos Estados Unidos, lidera a lista de 73 países que cometem retrocesso ambiental.

IMG-20190614-WA0018

O estudo analisou todos os atos governamentais que resultaram em redução de metragem, diminuição de restrições ou extinções de áreas de proteção ambiental em todo o mundo de 1892 a 2018.

Outra denúncia feita pela BBC aponta que 68% das áreas de proteção e indígenas da Amazônia estão ameaçadas para atender projetos de infraestrutura, planos de desenvolvimento econômico e atividades de exploração. O alarmante número é apresentado pelo estudo da Rede Amazônica de Informação Ambiental Georreferenciada (Raisg), sob a coordenação da ONG Instituto Socioambiental.

Raisa Alves e Carlos Marx, dirigentes do PV Osasco.

Raisa Alves e Carlos Marx, dirigentes do PV Osasco.

pv_2019

Feira de Flores no Osasco Plaza shopping vai até 16 de junho

05_flores

Na noite desta segunda-feira (3/6), na área de eventos do Osasco Plaza Shopping, ocorreu a abertura da “Feira de Flores” que contou com música, dança e poesia com foco na preservação do meio ambiente. A Feira vai até o dia 16 de junho, das 10h às 22h. Entrada franca.

As plantas e flores vêm da cidade de Holambra. A Feira reúne as mais belas flores para decorar e alegrar ambientes internos e externos. Há suculentas, tulipas, arbustos como azaléias, orquídeas, begônia, flor de maio e outras espécies a preços acessíveis.

01_Carlos_Marx
Em sua fala, Carlos Marx, ambientalista e coordenador do coletivo Casaviva – cultural e ambiental, agradeceu o apoio do pessoal do shopping, seguranças e lojistas na pessoa do diretor David Rocha.

“Temos uma relação forte e antiga com este espaço. No dia 5 de junho será o Dia Mundial do Meio Ambiente e é um momento para refletirmos sobre o Planeta. O mundo está preocupado com a floresta amazônica porque ela é importante pra todos os continentes. Na nossa casa e no nosso bairro temos de dar exemplo com ações ativas pela natureza, plantando árvores e flores. As mudanças climáticas estão trazendo calamidades pra todos, principalmente na saúde. Uma das formas de combater a poluição do ar é plantar mais árvores e ampliar as áreas verdes”, disse Marx.

07

“As plantas têm a capacidade de absorver maior quantidade de CO2 (dióxido de carbono), um dos gases responsáveis pelo aquecimento da Terra. A poluição do ar é um problema de saúde pública e ambiental do mundo. Novas políticas de energia e qualidade do ar são importantes para que tenhamos um ar menos poluído. Mas, para isso, é necessário medidas em diversos setores como o energético, uso de energia renovável, fiscalização e controle de emissões de gazes”, destacou Carlos Marx.

Aluisio Pinheiro, ex-presidente da Câmara Municipal de Osasco e do movimento comunitário da Zona Norte de Osasco, discorreu sobre a importância de aliar cultura e meio ambiente para promover a educação ambiental. “Esse trabalho educativo e cultural precisa ser feito constantemente e em todo lugar. Não importa se ele é feito para um público pequeno ou grande. O que importa é que a arte tem grande poder de tocar e chegar até as pessoas”.

08

Carlos Aparício Clemente, diretor do Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco e Região, citou o trabalho de longa data com Carlos Marx e da importância da feira para Osasco e região. “As flores são importantes para pássaros, insetos, para o meio ambiente e para nossas vidas no cotidiano. Essa é uma iniciativa importante pra todos nós”, disse.

“Combate à poluição do Ar” é o tema central proposto pela Organização das Nações Unidas (ONU) para a Semana do Meio Ambiente deste ano e visa sensibilizar e encorajar ações no mundo para este problema que demanda ações urgentes e imediatas.

09

“Gostei muito dos artistas que se apresentaram, até gravei e compartilhei nas redes sociais. A Feira está muito bonita e as frases de músicas brasileiras falando de flores, nas bancas, deram um incentivo a mais à visitação”, explanou sorridente o cineclubista e documentarista Rui de Souza, também fundador do Cineclube República de Palmares.

A apresentação cultural da festa de abertura da Feira de Flores ficou por conta dos instrumentistas e cantores Baroni, Dorgival Nazaro, Chikinho Alves e Rosi Cheque (dança contemporânea e poesia “Despertar pra Natureza”).

13

Promovida pelo coletivo Casaviva – cultural e ambiental, a Feira de Flores tem o apoio do Osasco Plaza Shopping e da União dos Aposentados e Pensionistas de Osasco e Região (UAPO). O Shopping está localizado na Rua Tenente Avelar Pires de Azevedo, 81, Centro.

SAIBA MAIS
Casaviva – cultural e ambiental
(11) 99652-8199 / casavivaosascosp@gmail.com
www.facebook.com/casavivaosasco

https://casavivaosasccasavivaosasco

Exposição de flores começa dia 3 de junho no Osasco Plaza Shopping

De 3 a 16 de junho, das 10h às 22h, será realizada a “Feira e Exposição de Flores” na área de eventos do Osasco Plaza Shopping. Promovida pelo coletivo Casaviva – cultural e ambiental, a feira é uma das atividades realizadas com apoio do shopping e da União dos Aposentados e Pensionistas de Osasco e Região (UAPO). Entrada franca.

No dia 3 de junho, às 19h, haverá atividade cultural com artistas locais.

Segundo Carlos Marx, coordenador da Casaviva, pessoas de várias cidades aproveitam esse momento para comprar flores e plantas a preços reduzidos.

Na feira haverá plantas e flores das mais populares, como jasmins e lírios, até às mais exóticas como plantas carnívoras, bonsais, orquídeas, begônia e bromélias.

A Casaviva e a UAPO convidam toda a população da região para visitar a feira e exposição de flores e plantas ornamentais. O Osasco Plaza Shopping está localizado na Rua Tenente Avelar Pires de Azevedo, 81, Centro.

feira_de_flores

SAIBA MAIS

Casaviva – cultural e ambiental
(11) 99652-8199 / casavivaosascosp@gmail.com
www.facebook.com/casavivaosasco

https://casavivaosasco.wordpress.com

Convenção verde elege diretório do PV Osasco

convencao_01

O Partido Verde (43), de Osasco, realizou na manhã deste domingo (26/5), em sua sede, a Convenção Municipal para eleição do primeiro diretório da legenda. Com um número expressivo de filiados, a convenção teve a presença do vereador Elissandro Lindoso, vice-presidente do PSDB, de Carlos Baba, representando o ex-prefeito Jorge Lapas, atual presidente do PDT, e do médico Dr. Carlos José Gaspar. Ficou definido o novo quadro de dirigentes do partido (gestão 2019-2021) e escolhido delegado à convenção estadual que acontecerá em junho, na capital paulista.

Após as boas-vindas e composição da mesa, Carlos Marx discorreu sobre a história e os trabalhos desenvolvidos pelo PV em Osasco e citou as campanhas feitas pela sigla com eleição de vereadores.

convencao_05

Rosanilda Silva (Tia Rosa) discorreu sobra da importância da mulher na família e na sociedade. Falou, ainda, de sua experiência quando candidata aos cargos de vereadora e deputada federal pelo PV.

O professor e músico Dorgival Nazaro destacou a importância do PV na cidade e falou da cultura na melhoria da saúde física e mental. “Moro em Osasco há 40 anos. Penso que devemos ter mais políticas públicas voltadas para a cultura”.

convencao_06

“Osasco é minha cidade. A saúde e a economia de nosso município precisam melhorar para todos nós, cidadãos empreendedores e trabalhadores”, resumiu o empresário da construção civil Altonomista Bezerra.

convencao_07

A professora Maria Tereza de Araújo Ferreira ressaltou a importância da educação na construção de um cidadão mais consciente. “Nosso trabalho é pela educação e pela democracia. Para ter democracia é preciso liberdade de expressão. Somos contra o racismo e a homofobia. Estamos na luta pelos direitos humanos”.

convencao_09

Jacy Malagoli, ativista e coordenadora do movimento Ação Pró Vida Animal e Meio Ambiente (AVAMA) falou do cuidado com os animais domésticos e abandonados. “Cuidar dos animais é cuidar também das pessoas e do meio ambiente. Somos a favor, sobretudo, da vida”.

convencao_10

Representando o PDT, Carlos Baba iniciou sua fala deixando o abraço do ex-prefeito Jorge Lapas e em seguida discorreu sobre a importância dos partidos. “Nós conhecemos a ideologia e a postura do PV na cidade. Trabalhei com Marx e muitos outros amigos do PV e criamos muita coisa boa em nosso município”.

Vice-presidente do PSDB, o oftalmologista e vereador Elissandro Lindoso resumiu seu histórico político e atuação na câmara municipal. “Temos como desafio melhorar a qualidade de vereadores na câmara municipal. Acredito em transformação social através da política. Em minha gestão na presidência da Câmara, conseguimos economizar quase 30 milhões de reais para serem investidos na saúde, educação e segurança”.

convencao_03

Dr. Carlos José Gaspar discorreu das mudanças políticas na cidade e afirmou que a gestão da saúde está uma calamidade. “Fui o primeiro secretário municipal de meio ambiente. Osasco precisa gerar empregos. O PV é uma sigla bonita, com causas nobres e que o País respeita”.

convencao_02

No final, Carlos Marx ressaltou que o PV, em 2020, poderá ter candidato à prefeito e lançará uma lista completa para a disputa da Câmara Municipal. “Nossa chapa não terá o Cláudio da locadora e nenhuma outra ‘figurinha carimbada’. Queremos candidatos novos, com efetiva atuação na sociedade. Nosso objetivo é ter uma chapa dinâmica, com muitas mulheres e jovens”.

Chapa Democracia Verde

Em seguida, ocorreu eleição dos membros do diretório municipal para a gestão 2019-2021: Carlos Marx Alves (Presidente e delegado titular à Convenção Estadual), Altonomista Bezerra da Silva (1º Vice-Presidente), Jacy Malagoli (2º Vice-Presidente), Dorgival Nazaro da Silva (secretário de Organização), José Antonio Aparecido Riva (secretário de Finanças), Rosilda Cheque (secretária de Comunicação e delegada suplente à Convenção Estadual).

Também, Darci Franque da Silva (secretário de Formação); Raisa de Oliveira Alves (secretária da Juventude); Rosanilda Antonia da Silva (secretária da Mulher); e Samantha Suely Alves Dias (Secretária de Direitos Humanos e Diversidade). Membros: Osmar Akira Aoki, Jesse de Medeiros Navarro e Maria Tereza de Araújo Ferreira.

SAIBA MAIS
(11) 99652-8199
pvosasco@uol.com.br
www.pvosasco.org.br
www.facebook.com/PartidoVerdeOsasco

Partido Verde Osasco convoca convenção para eleger Diretório Municipal

No dia 26 de maio (domingo), das 10 às 12h, o Partido Verde (43) Osasco realizará Convenção Municipal na sede da legenda, localizada na Av. Maria Campos, 252, Centro.

Filiados e apoiadores do PV estão convidados a participar dessa importante atividade cujo objetivo principal é dar transparência às ações partidárias e, sobretudo, fortalecer a democracia na cidade.

A convenção irá definir o novo quadro de dirigentes do partido e escolher o delegado à convenção estadual que acontecerá no mês de junho, em São Paulo.

convencao_PV

SAIBA MAIS

(11) 99652-8199
pvosasco@uol.com.br
www.pvosasco.org.br
www.facebook.com/PartidoVerdeOsasco

Osasco recebe primeira mostra cultural Achados e Perdidos

Pâmela Maranhão

Pâmela Maranhão

Com apoio da Casaviva – cultural e ambiental, o coletivo Achados e Perdidos promoverá no dia 25 de maio, das 10h às 22h, a primeira Mostra Cultural Achados e Perdidos.

O evento será na sede da Casaviva, à Avenida Maria Campos, 252, centro, Osasco. Entrada franca.

Igor Moura, produtor da mostra cultural, explica que haverá apresentação de teatro, música, dança, teatro, performance, poesia, exposição e venda de artesanato, brechó, filmes, doces e salgados.

O evento tem o “intuito de incentivar a produção de grupos artísticos de todo o Brasil que queiram mostrar seu trabalho, criar redes e expandir o alcance do seu fazer.Cada edição da mostra contemplará um dos estados brasileiros, propondo mostrar em sua programação um pouco da vasta identidade cultural existente na região homenageada”, comenta Moura.

Vinícius Marques, poeta.

Vinícius Marques, poeta.

Nos dias 22, 23 e 24 de maio haverá oficina de voz e interpretação teatral, das 15h às 18h, com Shadiyah Becker. Os interessados devem efetuar inscrição enviando nome completo, idade, telefone, e-mail e profissão para producao.achadoseperdidos@gmail.com até dia 19 de maio.

 PROGRAMAÇÃO – DIA 25 (SÁBADO)

10h – abertura

10h30 às 11h30 – Espetáculo “Ela Tem Olhos de Céu”
Grupo Os Viajantes de Papel

12h às 13h – Oficina Teatro para Crianças
Com os atores Lucas Sabatini e Mau Machado

5h às 15h20 – Poeta sem títulos – Vinicius Marques
15h20 às 16h – Abertura do processo da oficina “Voz em Vós”

16h às 17h – Espetáculo “Ubu Rei” – Cia Pimentardida

17h às 18h – Espetáculo “Isto é amor” – Grupo de Teatro Os Sonhadores

18h30 às 19h30 – Show Banda Kim Basinger

20h30 às 21h30 – Show “Tudo nela brilha e queima” com Pâmela Maranhão

21h30 às 22h – encerramento (atração surpresa)

artesanato

SAIBA MAIS

(11) 98677-7766 – Igor Moura (Produção)
producao.achadoseperdidos@gmail.com
Instagram: @cc.achadoseperdidos
Facebook: Coletivo Cultural Achados e Perdidos
Evento: https://www.facebook.com/events/2775890765815145/?ti=cl

Grande manifestação pela abertura do Parque Jequitibá

 Será dia 22 de maio, Dia Mundial da Biodiversidade, em São Paulo

Fotos: Divulgação

IMG-20190513-WA0007

Criado em 2006 pelo governo do Estado de São Paulo como primeiro grande parque urbano focado em educação ambiental e estudo de campo por estudantes, e sobre um belo projeto arquitetônico, o Parque Jequitibá (ex-Parque Tizo) permanece fechado à população.

IMG-20190513-WA0009Sua importância para a Grande São Paulo é enorme. Com 1,3 milhão de m2 (o exato tamanho do Parque Ibirapuera, porém com mais de 60% de Mata Atlântica), ele é o primeiro grande fragmento a enfrentar, a Oeste da Grande São Paulo, a mancha de calor da metrópole.

É a partir dele, situado no km. 20 da Rodovia Raposo Tavares, que se abre o corredor ambiental que inclui a APA Embu Verde, a Granja Viana, o Parque das Nascentes, o Parque Cemucam e outros, chegando até a Reserva Florestal do Morro Grande, no km 32 da Raposo.

Trata-se de um parque intermunicipal de relevância logística e estratégica, pois expande-se por três cidades (São Paulo, Osasco e Cotia) e faz divisa com outras duas, Taboão da Serra e Embu das Artes, sendo grande opção para atividades na natureza num ambiente urbano carente de áreas verdes.

Mas o parque, embora conte com administradora, funcionários e segurança, vem sofrendo por nunca ter sido efetivamente aberto à população.

IMG-20190513-WA0019O plano diretor e seu projeto executivo não são realizados. Seu Conselho Consultivo, eleito em abril de 2018 (mais de um ano atrás), ainda não foi sequer nomeado no Diário Oficial do Estado. Seu cercamento vem sendo roubado na divisa com a Avenida Heitor Antonio Eiras Garcia, em São Paulo. Há uma área invadida por um “bota-fora” na parte situada em Osasco.

Junte-se a isso que a transferência da área do CDHU (Secretaria de Habitação) para a Secretaria de Meio-Ambiente, determinada claramente no decreto de criação, ainda não foi cumprida (foi feita parcialmente, em apenas um dos quatro platôs do parque), em clara desobediência à determinação do próprio governo estadual.

O movimento pela defesa do parque se manifestará por sua abertura, seus cuidados, e pela adoção definitiva de seu Plano Diretor e seu Projeto Executivo. Será no dia 22 de maio, o Dia Mundial da Biodiversidade. A grande manifestação acontecerá a partir das 9h30, onde seria sua entrada pela cidade de São Paulo, nas esquinas das ruas Emil Bohn com Savério Quadrio.

Estarão se manifestando entidades ambientalistas, associações de moradores, escolas, educadores, moradores da Zona Oeste da Grande São Paulo e militantes em favor do meio-ambiente. Estão todos convidados.

IMG-20190513-WA0008

 

PV São Paulo sai na frente e realiza a primeira convenção municipal do Estado

PVSP_04

Na manhã deste sábado (11/5), um expressivo número de filiados ao Partido Verde da cidade de São Paulo compareceu à Câmara Municipal paulistana para eleger o primeiro diretório municipal da agremiação, dando início a um processo de escolha direta dos dirigentes determinado pela direção nacional.

PVSP_02

O primeiro diretório municipal eleito da capital tem na presidência o ex-vereador e ex-deputado estadual Roberto Trípoli. Na chapa unificada eleita por unanimidade consta também o presidente nacional do PV, José Luiz Penna; o ex-deputado federal e candidato à vice-presidente da República nas eleições de 2018, Eduardo Jorge; o vereador Gilberto Natalini, entre outros.

PVSP_03

Trípoli afirmou que pretende implantar um sistema de organização diretivo no PVSP, com base no parlamentarismo, com decisões coletivas. “Vamos envolver todos os dirigentes nas ações ativas do partido. Aqui ninguém vai ficar como um figurante, queremos ver todo mundo pondo a mão na massa para fazer um PV cada vez mais forte. Em 2020, vamos eleger uma bancada expressiva de vereadores e a decisão de lançamento do majoritário será de todos, no momento oportuno “, afirmou.

PVSP_01

O PV Osasco e a Bacia 6 (região Oeste da Grande São Paulo), esteve representado na convenção verde paulistana pelo ambientalista e presidente municipal Carlos Marx.

Marx disse que não poderia faltar à convenção, pois essa será uma boa referência para os dirigentes verdes paulistas.

PVSP_05

“Foi aqui nesta casa que aconteceu a primeira reunião para criação do PV do Estado de São Paulo. E, agora, a eleição direta do primeiro diretório municipal, neste complicado momento político que o Brasil está vivendo. Com certeza, vamos sair daqui energizados para reestruturar nosso partido e fazê-lo avançar na defesa da democracia e da sustentabilidade “, destacou Marx.

SAIBA MAIS
pvosasco@uol.com.br
(11) 99652-8199 (Whatsapp)
www.facebook.com/PartidoVerdeOsasco