Livro_Casaviva_abril_2018

Casaviva_UApo_2018_PV

Prazo para atualizar filiações no Filiaweb encerra no dia 13 de abril

eleicao_2018O Partido Verde (43) da Bacia 6 informa aos dirigentes municipais que termina no dia 13 de abril (sexta-feira), às 19 horas, o prazo para os partidos políticos, , com registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), enviarem a relação atualizada de seus filiados no sistema do Filiaweb.

A submissão da lista é importante para os cartórios eleitorais efetuarem arquivamento, publicação e cumprimento dos prazos de filiação partidária para efeito de candidatura a cargos eletivos.

Um dos requisitos para o registro de candidatura a cargos eletivos é a prova de filiação partidária. Para concorrer a um cargo eletivo nas eleições de 2018, o candidato deverá estar filiado à legenda há pelo menos seis meses antes do pleito, com exceção de quem já exerce mandato.

Antes de submeter as listas é preciso inserir possíveis novos filiados, desfiliações e verificar o campo “Consultar registro com erro” de cada lista e os corrigir. Dentre os erros mais comuns estão as mudanças de zona eleitoral ou seção.

Para submeter as listas é preciso entrar no site http://filiaweb.tse.jus.br/filiaweb e depois digitar a inscrição do responsável e a senha.

Para mais informações sobre as eleições de 2018 clique em
www.tse.jus.br/eleitor-e-eleicoes/eleicoes/eleicoes-2018

PV_Pascoa_2018

Secretaria de Cultura de SP lança edital para Pontos de Cultura

Penna se afasta da pasta da Cultura para sair candidato e Romildo Campello assume cargo de secretário titular.

01_Penna

O programa Pontos de Cultura, criado por Gilberto Gil quando ministro da Cultura, está de volta e foi lançado na manhã desta quinta-feira (29/3), em cerimônia realizada na sede da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo. O evento contou com as presenças do governador Geraldo Alckmin, José Luiz Penna (secretário da Cultura e presidente nacional do Partido Verde), Sérgio Sá Leitão (ministro da Cultura), Romildo Campello (secretário-adjunto da Cultura), Nello Rodolpho (MinC SP), dentre outras autoridades. Carlos Marx, coordenador da Casaviva – Cultural e Ambiental de Osasco, também esteve presente.

Nos últimos anos, o programa enfrentou muitos problemas de prestação de contas, ingerência política negativa definindo conteúdos, instrumentalização. Nesta nova versão, o programa mantém o espírito original, valorizando as iniciativas da produção cultural na sociedade, em diversos segmentos, pontos de promoção e incentivo à economia criativa, aos produtores culturais.

A nova modalidade de premiação facilitará a realização das atividades dos que receberem apoio público. Produtores independentes da área cultural poderão oferecer grandes contribuições ao programa.

“A iniciativa de retomar os Pontos de Cultura é um reflexo do trabalho da Secretaria de Cultura em expandir iniciativas culturais para cada vez mais municípios, fortalecendo a ideia de que a cultura deve falar com todos e contribuir para transformar comunidades”, ressaltou José Luiz Penna.

02_marx_e_Romildo

“O programa é muito importante porque estimula também os diversos talentos. Pontos de Cultura é uma forma de promover a inclusão, transmitir valores, dar voz e premiar os artistas. Em Osasco, por exemplo, temos estimulado, através da Casaviva, a produção artística em vários campos como dança, teatro, música, literatura, artesanato, pintura”, comentou Carlos Marx.

“Destaco a importância social e econômica da Cultura, que transforma a sociedade e nos faz pessoas melhores. A economia criativa e os projetos culturais terão uma expressão cada vez maior em termos de geração de emprego e renda. Essa é uma boa parceria, que incentivará o setor no Estado. O desafio é dinamizar e impulsionar o trabalho de agentes culturais não só no Estado, mas em todo o Brasil. A diversidade da cultura brasileira e o trabalho de artistas de todas as áreas só têm a ganhar com a expansão e consolidação do programa”, sintetizou o governador Alckmin.

A iniciativa Pontos de Cultura é fruto de convênio celebrado entre o Ministério da Cultura e a Secretaria da Cultura do Estado, que garantiu a repactuação do convênio previamente existente. O programa premiará 544 iniciativas culturais (94 a mais do que na última edição).

Do total, 144 iniciativas receberão a premiação no valor de R$ 60 mil e 400 receberão a premiação em forma de Kit Cultura de Audiovisual ou Kit Cultura Musical. O programa contará com 35 agentes mobilizadores, sete fóruns regionais e a Encontro Estadual de Pontos de Cultura (TEIA).

Pontos de Cultura são grupos, coletivos e entidades de natureza ou finalidade cultural que desenvolvem e articulam atividades culturais em suas comunidades.

As premiações atendem as ações estruturantes da Política Nacional Cultura Viva, que tem o objetivo de assegurar e ampliar o protagonismo da diversidade cultural do território paulista. O edital de chamamento será lançado em breve no site da Secretaria de Estado da Cultura e no site do Ministério da Cultura.

INFORMAÇÕES
Fone: (11) 3684-0293
E-mail: pvosasco@uol.com.br
www.facebook.com/PartidoVerdeOsasco

PV-SP oficializa apoio e sela compromisso com o PSB para o governo de SP

O Partido Verde (43) do Estado de São Paulo oficializou na tarde desta terça-feira (27/3) apoio a Márcio França, do PSB, para a disputa pelo Palácio dos Bandeirantes, no pleito eleitoral deste ano.

Qualidade e afinidades de idéias, enraizamento do PV no país e afinidade espiritual no formato de convivência foram citados por França em seu discurso.

Márcio França diz que PV dar o enredo da campanha.

Márcio França diz que PV dar o enredo da campanha.

“Fico muito feliz em consolidar, hoje, essa aliança com o PV porque é um partido que tem tudo a ver com o nosso jeito de ser e pensar. O PV está enraizado em várias cidades e tem lideranças fortes no Estado do que muitos partidos têm no país inteiro. O PV tem a quarta maior bancada e o nosso projeto é para muitos anos. O Partido Verde é um dos nossos principais aliados e é ele quem vai dar o enredo da nossa campanha”, sublinhou França.

“Temos 16 partidos nos apoiando e a gente quer consolidar tudo que São Paulo já fez de bom como orçamento equilibrado e a ética na gestão. Queremos ampliar nossa visão que é mais acessibilidade, mais inclusão social e mais trabalho e educação”, finalizou Márcio França.

PV_Osasco_2018

O evento contou com a presença de José Luiz de França Penna (presidente nacional), Marcos Belizário (presidente estadual), Carlos Marx (presidente do PV Osasco e porta-voz da Bacia 6), além de deputados estaduais e federais, como Chico Sardelli, prefeitos, vereadores, pré-candidatos, militantes e simpatizantes do PV.

Dirigentes e pré-candidatos do PV Bacia 6 também marcaram presença, dentre eles Sandra Gama (Embu das Artes), Marcos Neves (prefeito de Carapicuíba), Anésio Campos (Cajamar), Cesar Augusto José (vereador Guto, Carapicuíba), Geraldo Teotônio e Carita Benitez (Jandira) e Jacy Malagoli, Altonomista Bezerra e Jesse Navarro (pré-candidatos do PV Osasco).

PV_e_PSB

Sobre o pré-candidato: Márcio Luiz França Gomes é vice-governador de São Paulo, nasceu em 1963 e é formado em Direito pela Universidade Católica de Santos. Entrou na política como militante no movimento estudantil e antes de entrar na disputa por cargos públicos, trabalhou como Oficial de Justiça durante nove anos.

França trabalhou como assessor na Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) do Ministério de Ciência e Tecnologia. É presidente do PSB no Estado de São Paulo assumiu a Secretaria Estadual de Turismo do Estado em 2011, cargo que ocupou até 2012.

INFORMAÇÕES
Fone: (11) 3684-0293
E-mail: pvosasco@uol.com.br
www.facebook.com/PartidoVerdeOsasco

Encontro do PV Mulher pede mais respeito e menos violência

Vera Motta fala de igualdade de direitos e eleição 2018.

Vera Motta fala de igualdade de direitos e eleição 2018.

A Secretaria da Mulher do Partido Verde Estado de São Paulo realizou ao longo do dia do sábado (24/3), na sede da legenda na Avenida 9 de Julho, na capital, mais um encontro para discutir e tratar de questões ligadas à mulher tais como violência, trabalho, conquistas sociais e políticas.

Dentre os palestrantes, Mariana Perin, Secretária Nacional de Juventude, que falou sobre respeito à mulher. Já a advogada Vera Motta, também Secretária Nacional de Assuntos Jurídicos, membro da Executiva Nacional e vice-presidente da Executiva do Estado de São Paulo, abordou diversos assuntos, dentre eles igualdade de direitos e eleição 2018.

A secretária da Mulher, do PV Estadual, Ana Acilda Alves da Silva, disse que vai visitar o máximo possível de cidades paulistas, para incrementar as candidaturas femininas. “O partido precisa lançar uma lista completa de candidatas, para garantir uma grande vitória em 7 de outubro”, salientou.

Patricia Penna, Carla Piranda e Prila Maria.

Patricia Penna, Carla Piranda e Prila Maria.

As lutas dos movimentos feministas também foram lembradas por Patrícia Penna, secretária da Mulher do PV paulistano.

Prestigiaram o evento e deixaram suas mensagens, José Luiz Penna, presidente nacional do Partido Verde e Secretário Estadual de Cultura; o advogado e administrador de empresas, Marcos Belizário, também dirigente nacional e presidente estadual do PV-SP.

Penna com dirigentes do PV Osasco, pré-candidatas e militantes  verdes.

Penna com dirigentes do PV Osasco, pré-candidatas e militantes verdes.

“Eu gostei muito do evento e tive a oportunidade de deixar uma mensagem de otimismo. A gente quer mais mulher se candidatando nesta eleição”, resumiu Rosanilda Silva (tia Rosa), micro-empresária no ramo de transporte escolar e filiada do PV Osasco.

Do PV Bacia 6 marcaram presença dirigentes municipais, tais como Sandra Gama (Embu das Artes), Elaine Silva (Itapecerica da Serra), a psicóloga Maria Alice de Oliveira Alves (Secretária de Organização do PV Osasco) e a pré-candidata a deputada estadual Lúcia enfermeira (Santana de Parnaíba). Também presente a presidente do PV do Rio de Janeiro, Carla Piranda.

A artista plástica Prila Maria fez um grafite na parede da sede do partido, em homenagem às mulheres.

INFORMAÇÕES
Fone: (11) 3684-0293
E-mail: pvosasco@uol.com.br

Dia_Agua_2018_PV

Basta de violência: pela imediata prisão e punição dos assassinos!

MarielleO assassinato da vereadora Marielle Franco, na noite de quarta-feira (14), é um crime contra os direitos humanos e contra a democracia. A vereadora foi executada no centro do Rio de Janeiro depois de participar de uma roda de conversa denominada “Mulheres Negras Movendo Estruturas”.

Em 15 meses na Câmara Municipal, Marielle Franco apresentou 16 projetos de lei. Dois deles foram aprovados como leis concretas: um sobre a regulação de mototáxis nas favelas e outro sobre contratos da prefeitura com organizações sociais de saúde.

No final de fevereiro deste ano, a vereadora se tornou relatora de uma comissão de parlamentares que acompanha o trabalho de militares na intervenção federal na área de segurança do Rio.

Marielle Franco nasceu e foi criada no Complexo da Maré, um dos maiores conglomerados de favelas do Rio.

Foto: www.camara.rj.gov.br

PV Bacia 6 reúne-se em Carapicuíba para agilizar candidaturas às eleições de outubro

Dirigente estadual Belizário fala de ética e respinsabilidade

Dirigente estadual Belizário fala de ética e responsabilidade

Para discutir agenda e lista de candidaturas ao pleito em outubro, mudanças nos diretórios municipais e potencializar lideranças na região, o Partido Verde (43) Bacia 6 realizou na noite desta segunda-feira (12/03) reunião na Câmara Municipal em Carapicuíba, SP. Dentre os participantes, dirigentes estaduais, municipais, vereadores e pré- candidatos.

Na abertura da reunião, Carlos Marx, porta-voz da Bacia 6 e presidente do PV Osasco, fez um retrospecto dos resultados verdes nas campanhas de 2010 e 2014, falou de cláusula de barreira e comentou a rearticulação partidária em curso em algumas cidades da região.

Marcos Belizário, presidente estadual do PV-SP, salientou que a legenda lançará listas próprias para os cargos proporcionais e para o senado. Explicou que os candidatos devem ter projetos sociais e se ajudarem mutuamente para garantir eleição de boas bancadas na Assembleia Legislativa e Câmara dos Deputados.

reuniao_PV
“Não temos que ter medo de fazer o país crescer. Montar chapa própria é estar de acordo com tudo que a gente plantou desde a criação do PV. Na próxima eleição municipal, em 2020, será proibida a coligação. A chapa pura fortalece o candidato na sua região. Temos de focar e eleger deputados federais. Agora, é o momento de agir pensando no coletivo que deve ser sempre nosso jeito de fazer política”, destacou Belizário.

Segundo o dirigente, o PV nacional aposta no deputado federal Antonio Carlos Mendes Thame, de Piracicaba, como pré-candidato da legenda ao Senado. Para governador e presidente a sigla estuda possibilidades.

O médico Wilson Marcelino, presidente do PV local e anfitrião do encontro, resumiu sua disputa eleitoral em anos anteriores. Ele defendeu a coligação com outros partidos, para garantir bancadas mais expressivas tanto estadual quanto federal. “Financeiramente, será uma campanha difícil e diferente”.

reuniao_PV_2

“Há uma necessidade de mudança de paradigma. Tem que acabar com essa história de que mulher não vota em mulher. A realidade deixa claro sobre o potencial das mulheres em todos os campos, áreas e atividades. Vamos pensar numa campanha mais holística”, resumiu Elaine Silva, do PV Itapecerica da Serra.

Anésio Campos, do PV Cajamar, acredita e aposta em trabalho real de chapa pura desde que todos da região se ajudem. “O PV tem um trabalho bom e forte construído. Espero que o partido mantenha ou cresça nas bancadas de federais e estaduais nesta eleição”.

“Precisamos nos reestruturar e acredito também que a hora é de fazer coligação”, comentou Marcos Danilo de Sousa (Markinhos), vereador por Jandira.

Também de Jandira, o vereador Antônio dos Santos Oliveira (Toninho Amizade) discorreu sobre a situação do PV na cidade. “Eu e o vereador Markinhos decidimos apoiar o atual governo do professor Barufi, que já foi do PV e isso não está sendo compreendido pela direção partidária. Queremos espaço para conversar porque nosso desejo é a melhoria da cidade”. Toninho colocou seu nome à disposição para disputar a eleição de deputado estadual neste ano.

O mago Jesse Navarro  é uma das apostas do PV Osasco.

O mago Jesse Navarro é uma das apostas do PV Osasco.

Em seguida falaram os vereadores da cidade de Carapicuíba. “O que for decidido pelo partido terá meu apoio”, resumiu o oftamologista Vong lek Leong.

O vereador Valdemar Bovo sintetizou sua história no PV, disputais eleitorais e sugeriu uma reunião regional pra discutir questões referentes à área da antiga lagoa do Rio Tietê, na divisa de Carapicuíba e Barueri.

O vereador Antonio Beserra Lima falou da importância de se ter vontade e determinação em atuar numa campanha. “Mesmo sem estrutura financeira é possível fazer uma boa campanha”, sublinhou.

“Após explicação de Belizário me posiciono à favor de chapa pura e também coloco meu nome como pré-candidato”, resumiu o vereador César Augusto José (Guto).

O PV Bacia 6 reúne 13 cidades. São elas Barueri, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Embu das Artes, Embu-Guaçu, Itapecerica da Serra, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora Bom Jesus, Santana de Parnaíba e Taboão da Serra. O partido deverá apresentar mais alguns nomes para receber os votos dos mais de 1,5 milhão de eleitores da região.

INFORMAÇÕES
Fone: (11) 3684-0293
E-mail: pvosasco@uol.com.br
Rede Social:
www.facebook.com/PartidoVerdeOsasco
Site:
www.pvosasco.org.br